Enquete

Como conheceu o livro?
 
Nós temos 4 visitantes online

 

Exemplos resumidos do conteúdo do livro:  

1 - ÁGUA, ELEMENTO ESSENCIAL
 

A vida não pode existir sem água líquida. Reciprocamente, nos lugares onde ela está presente, se dão as condições para o desenvolvimento dos processos vitais. A capacidade de renovação das águas durante o ciclo hidrológico e sua agilidade de auto-purificação, permite a relativa conservação, por um longo período, da quantidade e qualidade das águas doces.

Este fato dá a falsa ilusão de inalterabilidade e inexauribilidade dos recursos hídricos que são considerados como um bem gratuito do meio ambiente. Sob estas condições, historicamente, a tradição é de descuido com o uso dos mesmos. O abastecimento de água potável às populações, em quantidade e qualidade adequadas, é um indicador básico da sua qualidade de vida.

Momentos recentes na história da humanidade têm demonstrado uma preocupação global com as questões ambientais da preservação e utilização racional dos recursos hídricos.
 

 

....................................................................................................

  


2 - QUANTIDADE DE ÁGUA NO PLANETA
 

Cerca de 70% da superfície da Terra encontra-se coberta pelas águas num volume de aproximadamente 1.385.984.610 km³. Deste total, 97,5% constitui-se de água salgada e apenas 2,5% em água doce, ou seja: 1,351 bilhões km3 e 34,6 milhões km³, respectivamente.

Do total do volume de água doce (34,6 milhões km³) do planeta, cerca de 30,2% (10,5 milhões de km³) pode ser utilizada para a vida vegetal e animal nas terras emersas, pois 69,8% encontram-se nas calotas polares, geleiras e solos gelados. (VER TABELA 1.1)


Dos 10,5 milhões de km3 de água doce, cerca de 98,7% (10,34 milhões de km³), corresponde à parcela de água subterrânea, e apenas 92,2 mil km³ (0,9%) corresponde ao volume de água doce superficial (rios e lagos), diretamente disponível para as demandas humanas, que corresponde a 0, 008% do total de água no mundo.

 

....................................................................................................

 

3 - CICLO HIDROLÓGICO
O calor do sol aquece a água dos oceanos e da superfície terrestre, que se evapora, passando a formar parte da atmosfera, por onde circula até que se condensa e precipita sobre os oceanos e continentes (alimentando rios, lagos, aqüíferos, glaciários) Anualmente o ciclo hidrológico envolve um volume total de água de 577.000 km³, sendo que o volume envolvido na evaporação é igual ao envolvido na precipitação (IHP/UNESCO, 1998).

Em termos gerais, esse volume de água que intervém no ciclo hidrológico é praticamente constante; sem dúvida, espacialmente está modificando-se a nível continental, regional e local toda vez que a hidrologia de uma região está condicionada, entre outros, por fatores climáticos, topográficos, geológicos, de vegetação e da atividade humana (poluição e degradação).    

 

....................................................................................................

 

4 - POTENCIAL E DISPONIBILIDADE HÍDRICA NO MUNDO 
 

A América do Sul e a Ásia concentram os maiores potenciais de recursos hídricos do mundo, com 12.380 e 11.657 km³/ano, respectivamente, seguidas pela América do Norte com 6.662 km³/ano e a Europa com 6.619 km³/ano (FAO, 2009). Os menores potenciais encontram-se na África, Oceania e América Central (3.936, 1.722 e 781 km³/ano, respectivamente).

Contudo, os maiores volumes de recursos hídricos renováveis do mundo estão concentrados em sete países do mundo: Brasil, Rússia, Canadá, China, Indonésia, Colômbia e EUA. (FAO, 2009).

A disponibilidade de água em todos os continentes tende a diminuir cada vez mais, demonstrando a real necessidade de se rever o sistema de consumo e a solução do problema de disponibilidade em curto prazo (GONÇALVES et al., 2001).

A conscientização da sociedade e a sua participação na preservação dos recursos hídricos, associada ao controle do crescimento populacional, poderiam representar, em curto prazo, medidas prioritárias para evitar a escassez de água nos próximos anos.

SUB-ITENS COMPLEMENTARES DESTE TÓPICO
(CONTEÚDO EXCLUSIVO DO LIVRO)

4.1 Disponibilidade de água nos continentes
4.1.1 América do Sul
4.1.2 Ásia
4.1.3 América do Norte
4.1.4 Europa
4.1.5 África
4.1.6 Oceania
4.1.7 América Central e Caribe

4.2 Disponibilidade de Água nos Países da Área de Abrangência do Aqüífero Guarani
4.2.1 Disponibilidade de Água na Argentina
4.2.2 Disponibilidade de Água no Paraguai
4.2.3 Disponibilidade de Água no Uruguai
4.2.4 Disponibilidade de Água no Brasil 
 

....................................................................................................

 

5 - USO DE ÁGUA NO MUNDO


De acordo com os dados da FAO (2002a) o consumo anual de água no mundo em 2000 foi de 3.811,4 km³, sendo 69% (2.652,1 km³) destinado no setor agrícola, 21% (783,1 km³) no industrial e apenas 10% (376,3 km³) no doméstico (consumo humano, uso sanitário, serviços urbanos municipais). A Ásia é o continente que mais consome água no mundo. Os cinco países que mais consomem água no mundo são Índia, China, Estados Unidos, Paquistão e Japão.
 
Ásia, África e Europa são os continentes menos favorecidos com água disponível ao consumo humano. A América Latina, mesmo possuindo a melhor condição quanto à disponibilidade de água, enfrenta problemas de escassez desse recurso devido à má distribuição, provocada pela falta de gerenciamento (GONÇALVES et al., 2001).

Suas Compras

O carrinho está vazio